É muito difícil encontrar alguém que realmente goste de passar um dia inteiro cuidando da limpeza da casa, concorda? Quanto mais rápida e prática ela puder ser, mais tempo livro sobre para atividades mais interessantes.

No entanto, é muito importante deixar tudo devidamente higienizado e brilhando. Essa é uma questão não apenas de saúde e conforto pessoal, mas também uma forma de deixar o lar mais agradável.

Sendo assim, que tal conferir algumas recomendações práticas para tornar essa atividade mais simples e eficiente? Continue a leitura deste artigo e descubra exatamente o que fazer!

1. Comece pelas áreas mais importantes

Priorize sempre as áreas mais importantes da casa. Se você passa mais tempo na sala e na cozinha, por exemplo, esses ambientes devem ser os primeiros a serem limpos para que já fiquem disponíveis para uso. 

Assim, você consegue manter o importante sempre em dia e pode dividir o restante dos cômodos de acordo com a sua disponibilidade na semana. Estabeleça também uma ordem de processos, para ir mais rápido: tirar poeira, varrer e passar pano, por exemplo, para não se esquecer de nada e nem ter que voltar para refazer.

2. Use os produtos adequados para limpar os ambientes

Nem sempre apenas água e sabão são suficientes para uma boa limpeza da casa. Sendo assim, pesquise por produtos que se adequem ao tipo de piso e de revestimentos que você tem em seus cômodos, por exemplo.

Aposte também naqueles que são multiuso, para facilitar seu trabalho. Outra dica importante é contar com acessórios e utensílios de qualidade para limpar, como esponjas, vassouras, espanadores e mais. Lembre-se de que você precisa de praticidade, então quanto mais soluções tiver em mãos, mais depressa conseguirá atingir esse objetivo.

3. Atente-se para os detalhes na limpeza da casa

É muito importante evitar acúmulos que atrasem a limpeza da casa. Aquela persiana que você não tira o pó há meses dará muito mais trabalho do que se você fizer isso uma vez por semana, por exemplo.

O mesmo vale para a limpeza de maçanetas, interruptores, fios e molduras de quadro, entre outros. Atente-se sempre para os detalhes e crie uma rotina para que eles recebam a devida atenção periodicamente, de modo a exigir menos esforço nos procedimentos diários de faxina que você já precisa fazer. 

4. Não deixe nada espalhado pelos ambientes

Por fim, essa recomendação é válida para o dia a dia. Não deixe nada espalhado pelos ambientes. Sempre que usar algo, lave ou limpe e guarde novamente no lugar sem maiores rodeios.

Se você alimenta esse tipo de desorganização, dificulta ainda mais a sua limpeza. O excesso de objetos vai exigir uma faxina mais detalhada e você ainda terá o trabalho de voltar tudo, finalmente, para onde deveriam estar. Sem contar que, quanto mais coisas pela casa, mais poeira e sujeira pode se acumular. 

Essas são apenas algumas das recomendações práticas para a limpeza da casa que você pode seguir. Porém, sinta-se à vontade para criar suas próprias adaptações, de acordo com seus hábitos e o de sua família, para que esse processo seja mais rápido e gratificante quando finalizado. Quer continuar a acessar outras dicas como essas e ainda ficar por dentro de nossas últimas novidades? Siga o Huddies no Facebook e no Instagram para acompanhar tudo em primeira mão!